Seguros Clássicos

A Fidelidade e o Museu do Caramulo juntaram experiências e conhecimentos para proteger os “Clássicos” que entraram na história de todos os portugueses. Junte-se também e proteja o seu “Clássico” com o seguro Fidelidade Automóvel Clássicos.

Conheça as soluções da Fidelidade para veículos clássicos:

Clássico 1

Se quer garantir a cobertura obrigatória de responsabilidade civil e serviços de assistência.

Clássico 2

Se pretende uma proteção do seu “Clássico” face aos danos ocorridos em garagem e uma assistência em viagem mais abrangente.

Clássico 3

Se procura uma maior e mais ampla proteção para si e para o seu “Clássico”, esteja ele em garagem ou em circulação.

E porque ter um “Clássico” é especial, qualquer que seja a sua escolha, com este seguro:

  • O seu veículo não desvaloriza;
  • Não são aplicados agravamentos por sinistralidade;
  • Nas opções “Clássico 2” e “Clássico 3”, o seu veículo fica protegido com coberturas de danos próprios;
  • Caso o seu veículo tenha pelo menos 30 anos, pode beneficiar de 10€ de desconto sobre o custo da certificação do seu “Clássico” pelo Museu do Caramulo – um “Clássico” certificado fica isento de Inspeção Periódica Obrigatória durante o período de validade da certificação.
  • Na compra de um bilhete para o Museu do Caramulo, oferta do segundo bilhete.

Condições para contratar o Fidelidade Automóvel Clássicos ao abrigo da parceria

  • Ter mais de 25 anos de idade;
  • Ter carta de condução há, pelo menos, 2 anos;
  • Possuir um veículo de utilização regular no seu dia-a-dia, com seguro na Fidelidade e constar na apólice como condutor habitual
     ou
  • Compromisso de transferência do seguro do veículo de utilização regular no prazo de 1 ano a contar da data de subscrição do seguro Fidelidade Automóvel Clássicos (se à data da primeira renovação da apólice Fidelidade Automóvel Clássicos, o cliente não tiver o seguro do seu veículo de utilização regular em vigor na Fidelidade, o contrato do seu Clássico não será renovado);
  • Não ter histórico de sinistralidade registado no seu Clássico nos últimos 2 anos;
  • Não fazer mais de 3.000 km anuais com o seu Clássico;
  • Apresentar certificado de Inspeção Periódica Obrigatória ou certificado de Veículo de Interesse Histórico emitido pelo Museu, ambos válidos.

Informe-se junto do seu Agente ou Mediador Fidelidade habitual ou saiba mais aqui.